Funarte lança nove editais para artes visuais, circo, dança, música e teatro

A Fundação Nacional de Artes (Funarte) irá lançar nove editais de abrangência nacional para as áreas de artes visuais, circo, dança, música e teatro. No total, serão investidos R$ 26,5 milhões no fomento a 354 projetos. O lançamento oficial será no dia 24 de junho, às 16 horas, na Funarte-MG, com presença do ministro da Cultura, Juca Ferreira, e do presidente da Funarte, Francisco Bosco.

Entre os nove editais estão novas edições das três principais premiações da instituição: prêmios Funarte Carequinha de Estímulo ao Circo, de Dança Klauss Vianna e de Teatro Myriam Muniz. Juntos, os três prêmios selecionarão 235 projetos, com objetivo de possibilitar o desenvolvimento de atividades artísticas, incentivando a criação e a circulação de espetáculos, além de contribuir para a manutenção de coletivos, grupos e companhias.

Na área de artes visuais, estão previstos os prêmios de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça, Marc Ferrez de Fotografia, de Arte Contemporânea e o Programa Rede Nacional de Artes Visuais – 12ª Edição. Este último possibilitará a produção artística destinada ao acervo de museus públicos e privados e a realização de oficinas, bolsas e exposições para as galerias e espaços da Funarte em Brasília (DF), São Paulo (SP) e Belo Horizonte (MG) e de espaços parceiros da Funarte em Belém (PA) e no Recife (PE).

Música

Para a música serão dois editais: Prêmio Funarte de Apoio a Orquestras e Prêmio Funarte Palcos de Música Popular. O primeiro será voltado a orquestras infanto-juvenis, contemplando orquestras de música clássica para bairros e comunidades populares. Dividido em dois módulos, o Prêmio Funarte Palcos de Música Popular tem foco na produção da música autoral independente e contemporânea, divididos em dois módulos: Palcos e Equipamentos musicais e Festivais e Mostras.

Saiba mais visitando o site do MinC ou também o da Funarte.