Urgente!! Ativista brasileira do Greenpeace presa na Rússia

A brasileira Ana Paula Maciel será mantida em prisão preventiva por 2 meses após protesto pacífico. (Foto: © Dmitri Sharomov / Greenpeace)

Na manhã do dia 18 de setembro, dois ativistas do Greenpeace foram presos enquanto protestavam contra a exploração de petróleo no Ártico, na plataforma Prirazlomnaya, da Gazprom, no Mar Pechora, na costa russa. Eles ficaram detidos a bordo de um navio da Guarda Costeira Russa, sem acusação ou representação legal.

No dia seguinte, com armas em punho, a Guarda Costeira Russa entrou ilegalmente no navio de campanhas do Greenpeace, Arctic Sunrise, enquanto ele ainda navegava em águas internacionais, e prenderam 30 ativistas que estavam à bordo. Entre os tripulantes está a brasileira Ana Paula  Maciel, de 31 anos, que está no Greenpeace desde 2006.  O Greenpeace reinvindica a urgente libertação de todos os ativistas, a imediata retirada da Guarda Costeira navio e o fim da exploração de petróleo offshore no Ártico, permanentemente.

A bióloga e ativista brasileira do Greenpeace, Ana Paula Maciel, acaba de ser acusada formalmente de pirataria pela Justiça da Rússia. Ela pode ser condenada a até 15 anos de prisão por conta disso. E não é a única: até o momento, 12 outros ativistas e um cinegrafista estão na mesma situação. Nas próximas horas, os promotores russos devem apresentar as acusações ao restante do grupo que participou do protesto pacífico no dia 18 de setembro, contra a exploração de petróleo no Ártico.

Desde o início, um time de advogados e membros do Greenpeace está de prontidão na Rússia, fazendo o possível para que os ativistas sejam soltos. Mas o Greenpeace pede o apoio popular para que essa injustiça chegue ao fim. Mais de 800 mil pessoas ao redor do mundo já enviaram mensagens às embaixadas russas, pedindo a libertação dos ativistas.

Você pode ligar para a Embaixada ou para os Consulados do Rio de Janeiro e São Paulo para pedir a libertação da ativista Ana Paula.

Embaixada da Rússia: (61) 3223.3094/4094
Consulado Geral da Rússia em São Paulo: (11) 3814.4100
Consulado Geral da Rússia no Rio de Janeiro: (21) 2274.0097

Ou então enviar um e-mail direto do site do Greenpeace para a Embaixada Russa.